Conheça o Spray para Ejaculação Precoce e Disfunção Erétil


As disfunções sexuais que afetam uma parcela significativa da população masculina felizmente podem ser tratadas com um novo spray para ejaculação precoce e impotência. A incapacidade de manter uma ereção satisfatória, ou disfunção erétil, na realização do ato sexual acomete mais de 40% dos homens entre 40 e 70 anos de idade.

Spray para ejaculação

Embora os dados sejam significativos, poucos deles procuram ajuda médica. Quando o problema não é tratado, pode prejudicar o dia a dia da pessoa, afetar o lado emocional e se tornar algo ainda mais grave no longo prazo.

As disfunções sexuais masculinas (disfunção erétil e ejaculação precoce por exemplo) ocorrem por diversos motivos. Elas podem ter origem psicológica, ser causadas pelo uso de drogas, problemas neurológicos e vasculares.

Além de terapias realizadas por psicólogos e psiquiatras, há inúmeros medicamentos disponíveis no mercado. A maioria deles é em forma de comprimidos.

O avanço na medicina agora é outro. Trata-se de um spray que, ao ser utilizado, libera micropartículas que são absorvidas pelos vasos sanguíneos da mucosa interna da boca. O produto rapidamente chega à corrente sanguínea, por isso seu efeito é imediato. O princípio ativo é o mesmo dos comprimidos, mas o resultado é mais eficaz. Uma das vantagens é que a ereção ocorre mais rapidamente

Outro benefício do spray é a redução dos efeitos colaterais e a potencialização dos efeitos terapêuticos. Para obter o melhor resultado do produto, é aconselhável que a administração seja sublingual. Dessa forma, o medicamento entra na corrente sanguínea de forma mais rápida.

Tadalafil

Um desses medicamentos é o Cialis (Tadalafil) em spray. A medicação está disponível no Brasil. Especialistas de diversas cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Florianópolis e Curitiba já substituíram as receitas com indicação do uso de comprimidos pelo spray.

A recomendação médica é respaldada por inúmeras pesquisas que viabilizaram o uso dessa medicação pelos pacientes. Grande parte delas foram lideradas e orientadas pelo Dr. Luis Henrique Leonardo Pereira.

Dapoxetina

A dapoxetina é o único remédio para tratamento da ejaculação precoce cujo uso é regulamentado pela Food and Drug Administration (FDA). O órgão controla o uso de medicamentos nos Estados Unidos.
O resultado dos estudos foi um controle maior da ejaculação, a diminuição da sensibilidade da glade e o atraso do reflexo ejaculatório. Seu nome comercial é Priligy. O formato em spray permite que apenas 10% da droga seja absorvida pelo organismo.

Spray X Comprimido para Ejaculação Precoce

O spray produzido pelo médico possui uma dose farmacológica vinte vezes menor do que o comprimido Cialis (com o mesmo princípio ativo do spray). O fármaco do spray é o mesmo do comprimido, o diferencial do novo produto é a concentração menor.

O resultado são efeitos colaterais menores. Os pacientes que utilizam o spray não sofrem com dores de cabeça, de estômago, coriza, palpitações, alterações visuais e rubores faciais – sintomas bastante frequentes entre os homens que utilizam comprimidos.
Centenas de pacientes já comprovaram a eficiência do spray e a ausência de efeitos indesejados. O fato de saberem que não irão sentir nenhuma sensação desagradável melhora ainda mais a relação sexual.

O princípio ativo, ou seja, o fármaco usado no spray é o mesmo dos comprimidos. A diferença está no nível de absorção. Como a língua tem características fisiológicas e anatômicas diferentes, o órgão é mais eficaz para assimilar a medicação. A absorção é direta.

Quando ingerimos um comprimido, a medicação passa por vários órgãos. Uma parcela significativa do que foi ingerido é metabolizada pelo fígado (cerca de 90%). Isso quer dizer que, se o paciente precisa de 10 mg do produto circulando pelo corpo, ele terá que ingerir 100 mg, o restante será absorvido. É por essa razão que a concentração precisa ser maior. E até seus efeitos serem sentidos pelo paciente, leva um tempo.

Já os resultados da administração sublingual são bem diferentes. O percentual de medicação que chega a corrente sanguínea é quase completa (100%). Como a absorção é direta, o efeito é potencializado. Essa administração não é novidade na medicina. O mesmo procedimento é usado para ingerir aspirina no caso de um paciente que sofreu um infarto. Em alguns casos, recomenda-se que o fármaco seja colocado embaixo da língua para acelerar a absorção. O mesmo ocorre em crises de hipertensão, há fármacos que regulam a pressão arterial, tem absorção sublingual quando o paciente está em crise.

O Spray para Ejaculação Precoce da HMED Andrologia

Em se tratando do spray para disfunção erétil e para ejaculação precoce, as substâncias absorvidas aceleram a circulação sanguínea no pênis. Outro efeito do spray é a diminuição da ansiedade. O spray, além de relaxar as estruturas responsáveis pela ejaculação, repõe neurotransmissores cerebrais, aumenta a autoestima e o bem-estar. Suas substâncias agem em conjunto, cada uma potencializa a ação da outra. Dessa forma, a ação ocorre em diferentes regiões do organismo. A disfunção erétil e a ejaculação precoce, na maioria dos casos, têm mais de uma origem. Por isso, o tratamento é mais eficaz quando abrange diferentes regiões do corpo.

Como um dos principais motivos que acarretam as disfunções sexuais são problemas psicológicos, os pesquisadores produziram uma fórmula composta por aminoácidos precursores da serotonina. O composto ajuda a aumentar a sensação de bem-estar e eleva a autoestima.
Outro elemento essencial para o sucesso do fármaco é a presença de calmantes naturais que ajudam a diminuir a ansiedade e, por consequência, melhoram o desempenho. Outros componentes, como os precursores do óxido nítrico e os oligoelementos, atuam, respectivamente, como vasodilatador arterial e melhoram a qualidade do esperma. Este último atua ainda como relaxantes da musculatura peniana, essenciais para que o sangue volte a pulsar dentro dos músculos e das artérias do pênis.

Com tantos benefícios e mecanismos de atuação, fica bastante evidente a qualidade superior do spray. O paciente consegue manter o membro ereto por mais tempo e ter um controle maior da ejaculação.
O spray é usado para tratar uma disfunção erétil. E como todo tratamento, a medicação deve ser usada pelo período indicado na consulta médica. Nesse caso, o uso desse spray é diário, mesmo que o homem não tenha relação sexual.

A melhora no desempenho vem com o tempo. Aos poucos, o paciente recupera a autoestima e a autoconfiança. Quando a medicação é combinada a terapias e a mudança no estilo de vida, os resultados são ainda melhores.

Como funciona o tratamento com Spray para Ejaculação?

Homens com problemas de impotência sexual e ejaculação precoce precisam procurar um médico para serem devidamente avaliados. Caso o médico ache conveniente e necessário, ele poderá optar por esse modelo de tratamento.

Mas que a melhora seja completa, o tratamento deve ser acompanhado de práticas saudáveis. Estabelecer uma rotina de alimentação e atividades físicas é essencial para alcançar os resultados esperados.

A orientação médica faz toda a diferença. Com o acompanhamento adequado, a disfunção do paciente é resolvida. Do contrário, ele poderá ficar dependente de um comprimido na hora da relação sexual. E não é esse o objetivo.

Nesse sentido, o spray é bastante diferente da pílula mais famosa quando o assunto é disfunção sexual: o Viagra. Ao contrário do famoso comprido azul, o tratamento com spray consiste em fórmulas personalizadas, enquanto que a pílula é utilizada eventualmente, apresentando efeitos adversos e, ao longo do tempo, surge a necessidade de aumentar a dose.

A consulta pode ser feita de duas formas: o paciente pode ir até o consultório ou usar os recursos da Telemedicina. A ferramenta possibilita que as pessoas sejam avaliadas mesmo sem estar no local.

O tratamento dura entre três e seis meses, podendo variar bastante de acordo com cada caso e com o uso de outras alterações para uma vida mais saudável. Muitos, na primeira semana já apresentam resultados positivos.

Ajuda médica

A maioria dos homens que sofre com disfunção erétil ou ejaculação precoce, não procura um médico para ser examinado e devidamente tratado. A razão, muitas vezes, é a vergonha de encarar o problema e ainda ter que conversar sobre o assunto com uma pessoa desconhecida.
Muitos acabam convivendo com o problema por vários anos. O ideal dos médicos é que, com o avanço nos tratamentos, essa cultura mude. Os tratamentos feitos pelo Centro Médico Andrologia abrangem uma faixa etária variada. Vão desde adolescentes de 18 anos a idosos com mais de 70.
Para os mais novos, o problema é geralmente causado por fatores emocionais. Mas o perfil médio do paciente que trata disfunções sexuais é de um adulto com mais de 50 anos. São adultos que ficam pulando de médico em médico e não conseguem resolver o problema.
A ajuda certa pode mudar por completo o dia a dia dos homens. Há muitas formas de tratar as disfunções sexuais. Se você sofre com qualquer problema que impede ou diminui o seu desempenho, não deixe de procurar o Centro Médico Andrologia. Lá você receberá o tratamento mais adequado para o seu caso.

Compartilhe isto :

Comentário do facebook

Entre com seu Email e receba novidades

Menos outlook, hotmail e live

Seu endereço de email:
Digite o código de segurança exibido:

 

Close